Pub

 manuel rios 001

Construção civil, agricultura, produção e transformação de carnes, e produção de vinho são as áreas de interesse de empresários portugueses que querem investir em Santa Catarina de Santiago. Eles estarão em Assomada, em Outubro, para avaliar todas as possibilidades.

Um grupo de empresários portugueses manifestou a intenção de investir em Santa Catarina. Segundo o sítio oficial da Câmara Municipal, a garantia foi dada pelo empresário Manuel Rios que, na última sexta-feira, 25, teve um encontro com o presidente do maior município do interior de Santiago, Beto Alves.

A página oficial da autarquia escreve que o empresário português Manuel Rios, que há anos investe em Cabo Verde, garantiu a presença de uma delegação empresarial lusa em Santa Catarina, no próximo mês de Outubro, para avaliar as possibilidades de investimento, em áreas que vão desde materiais de construção civil à agricultura, produção e transformação de carnes, bem assim à produção de vinho.

No encontro de sexta-feira, Rios foi acompanhado pelo deputado Emanuel Barbosa, eleito pelo círculo da Europa e Resto de Mundo, que já havia estado recentemente em Assomada onde participou no Encontro de Emigrantes. Na ocasião, em reunião com Beto Alves, o parlamentar havia-se comprometido a tentar mobilizar investimentos para Santa Catarina.

"Nos últimos tempos, o Presidente Beto Alves tem vindo a promover contactos com empresários nacionais e estrangeiros com o fim de mobilizar investimentos para o concelho. O objectivo é a criação de emprego e a dinamização da economia local", informa o site da Câmara Municipal de Santa Catarina.



APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

A crise na imprensa mundial, com vários jornais a fechar as portas, tem um denominador comum: recursos financeiros. Ora, a produção jornalística, através de pesquisas, entrevistas, edição, recolha de imagens etc. Tem os seus custos. Enquanto está a ler e a ser informado, uma equipa trabalha incessantemente para levar a si a melhor informação, fruto de investigação apurada no estrito respeito pela ética e deontologia jornalisticas que caracterizam a imprensa privada, sobretudo.

Neste momento em que a informação factual é uma necessidade, acreditamos que cada um de nós merece acesso a matérias precisas e de interesse nacional. A nossa independência editorial significa que estabelecemos a nossa própria agenda e damos nossas próprias opiniões. O jornalismo do Santiago Magazine está livre de preconceitos comerciais e políticos e não é influenciado por proprietários ou accionistas ricos. Isso significa que podemos dar voz àqueles menos ouvidos, explorar onde os outros se afastam e desafiar rigorosamente aqueles que estão no poder.

Portanto, se quiser ajudar este site a manter-se de pé e fornecer-lhe a informação que precisa, já sabe que toda contribuição do leitor, grande ou pequena, é tão valiosa. Apoie o Santiago Magazine, da maneira que quiser, podendo ser através da conta nº 6193834.10.1 - IBAN CV64 000400000619383410103 – SWIFT: CANBCVCV - Correspondente: TOTAPTPL - Banco Caboverdeano de Negócios - BCN, ou por meio deste dispositivo do PayPal.


APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

Comentários  

0 # djambó 29-08-2017 10:26
Ok

O de[censurado]do do MPD faz parte de quais das equipas?

da Câmara Municipal de Santa Catarina? ou dos empresários?

Não consigo entender a sua presença
Responder