Pub

Os familiares de Edmilson Fernandes Tavares, falecido em Outubro do ano passado, na cidade da Pedra Badejo, concelho de Santa Cruz, vêm por este meio comunicar o seguinte:

Uma vez que tivemos numa audiência com o Sr. Procurador-Geral da República no passado dia 12 de Janeiro, e viemos convencidos de que a nossa pretensão terá resposta, isto é, que a justiça se faça, após uma profunda reflexão, resolvemos, pelo menos por enquanto, cancelar a manifestação que estava marcada para o dia 26 de Janeiro, com a concentração à frente da Procuradoria-Geral da República na Prainha, seguindo-se ao Ministério da Justiça em Achada de Santo António, instalações das representações da ONU e da CEDEAO, sede da Comissão Nacional para os Direitos Humanos e a Cidadania e, Assembleia Nacional.

Pois, a nossa intenção era e é, tão simplesmente, de implorar pela justiça e esclarecimento da verdade, como Sr. Procurador-Geral deixou-nos perceber claramente a sua intenção de investigar, achamos por bem dar mais um tempo. Por isso, pedimos sinceras desculpas aos nossos aliados, amigos, conhecidos e familiares e, aproveitamos para lhes agradecer pelo apoio que, de diversas formas nos têm disponibilizado.

Achada Fátima, Pedra Badejo, 24 de Janeiro de 2018.

Pela família do falecido Edmilson Fernandes Tavares

Assina Armindo Tavares



APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

A crise na imprensa mundial, com vários jornais a fechar as portas, tem um denominador comum: recursos financeiros. Ora, a produção jornalística, através de pesquisas, entrevistas, edição, recolha de imagens etc. Tem os seus custos. Enquanto está a ler e a ser informado, uma equipa trabalha incessantemente para levar a si a melhor informação, fruto de investigação apurada no estrito respeito pela ética e deontologia jornalisticas que caracterizam a imprensa privada, sobretudo.

Neste momento em que a informação factual é uma necessidade, acreditamos que cada um de nós merece acesso a matérias precisas e de interesse nacional. A nossa independência editorial significa que estabelecemos a nossa própria agenda e damos nossas próprias opiniões. O jornalismo do Santiago Magazine está livre de preconceitos comerciais e políticos e não é influenciado por proprietários ou accionistas ricos. Isso significa que podemos dar voz àqueles menos ouvidos, explorar onde os outros se afastam e desafiar rigorosamente aqueles que estão no poder.

Portanto, se quiser ajudar este site a manter-se de pé e fornecer-lhe a informação que precisa, já sabe que toda contribuição do leitor, grande ou pequena, é tão valiosa. Apoie o Santiago Magazine, da maneira que quiser, podendo ser através da conta nº 6193834.10.1 - IBAN CV64 000400000619383410103 – SWIFT: CANBCVCV - Correspondente: TOTAPTPL - Banco Caboverdeano de Negócios - BCN, ou por meio deste dispositivo do PayPal.


APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

Comentar