Pub
Por: AJ Lopes

 arlindo lopes

N mori onti meia noite em pontu

Di infesson pamodi doctor skesi Tran pontu

Sodádi nha kodé ta leban trabesádu

nka dispídi, e ka dexadu kamba dentu

 

Nta leba recordason tristi di nhas kolegas di kuartu

Ki di noti ta txora ta grita sen ki es obidu

Pamodi dotoris sta na sonu

Otus sta na namoru...

 

Nha petu ta bai fridu

Di sabi ma nha povu e sokotiadu

Pa ambus ladu

- clima ka sata djuda-nu

Homis na puder é segu.

 

Nha dor e tamanhu

Ki n ka podi mas.

Speransa as ves ta pidi morri

E sta fraku.

 

Li sin na nha enterru

N áta sisti láguas di mintira

Gritus di cinismu

Diskursos bunitu, más vasío.

 

Hoji, ti presidenti sta li

Pake, si na bida nka ligadu?

Nhos guarda flor bunitu,

Konbersu Sabi...

Pa rasgata mininus di rua,

Bedjus ta mori di solidon

Doenti mental fuliadu.

 

N áta obi tudu nhos palavras di "Amor".

Si es ten valor

Lebas pa nha mossinhus ki mesti...

Pamodi mi djan bai.



APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

A crise na imprensa mundial, com vários jornais a fechar as portas, tem um denominador comum: recursos financeiros. Ora, a produção jornalística, através de pesquisas, entrevistas, edição, recolha de imagens etc. Tem os seus custos. Enquanto está a ler e a ser informado, uma equipa trabalha incessantemente para levar a si a melhor informação, fruto de investigação apurada no estrito respeito pela ética e deontologia jornalisticas que caracterizam a imprensa privada, sobretudo.

Neste momento em que a informação factual é uma necessidade, acreditamos que cada um de nós merece acesso a matérias precisas e de interesse nacional. A nossa independência editorial significa que estabelecemos a nossa própria agenda e damos nossas próprias opiniões. O jornalismo do Santiago Magazine está livre de preconceitos comerciais e políticos e não é influenciado por proprietários ou accionistas ricos. Isso significa que podemos dar voz àqueles menos ouvidos, explorar onde os outros se afastam e desafiar rigorosamente aqueles que estão no poder.

Portanto, se quiser ajudar este site a manter-se de pé e fornecer-lhe a informação que precisa, já sabe que toda contribuição do leitor, grande ou pequena, é tão valiosa. Apoie o Santiago Magazine, da maneira que quiser, podendo ser através da conta nº 6193834.10.1 - IBAN CV64 000400000619383410103 – SWIFT: CANBCVCV - Correspondente: TOTAPTPL - Banco Caboverdeano de Negócios - BCN, ou por meio deste dispositivo do PayPal.


APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

Comentários  

+3 # Marciano Moreira 11-09-2018 16:53
Sendu pueta vos di povu, es pueta ka ta skese nen di kes menbru ki dja sta na otu dimenson! I el ta bisti ses peli, xinti ses dor, grita ses adeus!
Responder